O Famigerado T-Rex Profissional

O terrível terópoda coelurossauro carnívoro, soberano nas florestas do que hoje é a América do Norte, está de volta nos dias atuais. Numa forma talvez não tão musculosa e imponente.

O Tyrannosaurus rex profissionalis tem como principal habitat os escritórios brasileiros, com preferência pelos grandes. Escritórios de empresas cujo ramo de atividade é de difícil compreensão e alta verticalização são os seus favoritos.

The name is Rex

A fisionomia é caracterizada pela retumbância de sua estrutura bucal, importante para a questão que melhor caracteriza sua capacidade de sobrevivência e resistência a intempéries, consumindo grandes quantidades de alimentos em um curto espaço de tempo, com alta preferência para cafés, várias vezes ao dia. A cabeça avantajada também lhe garante movimentos rápidos de olhos para comida e grupos de palavras alheios. Com capacidade de escuta de baixas frequências, possui audição apurada para fofocas e reuniões feitas do outro lado do dry wall.

Também é dono de um olfato apurado, com múltiplas funções, a saber: reconhecimento e prospecção do sexo oposto, detecção de cafezinho sendo preparado, detecção de flatulências e odores axilares vindos de outros exemplares da mesma espécie. Lábia e paladar super desenvolvidos. Sua visão emula à do Tiranossauro ancestral, com capacidades binoculares e ângulos de até 55 graus. Sua maior desvantagem provavelmente seja o desenvolvimento bastante atrofiado de seus membros superiores, o que é fundamental para caracterizar seu comportamento como um todo.

O braço

Por incrível que pareça, o cultivo de um braço atrofiado é muito comum no Brasil. Talvez até estimulado pelas políticas públicas e pelas leis. Ainda que haja muitos programas de reabilitação profissional e motivacional para Tiranossauros descontentes com sua condição, a prosperidade dos recursos é pequena. Há certo consenso entre a comunidade tiranossáurica de que uma jornada intensa pode causar dor e desconforto, ainda que os especialistas nestes programas comprovem facilmente o contrário.

Programa de reabilitação

Em megalópoles, há uma variação da espécie, mais amistosa, porém muito mais prolixa e de hábitos ainda mais lentos. É exclusivamente herbívora e normalmente possui algum ativismo político ou intelectual, com predileção pelos acadêmicos, com comprovação prática discutível. Possui capacidade intelectual superior à do Tiranossouro Profissional comum, mas que é usada de forma diametralmente contrária às suas premissas de sobrevivência. Comumente descolada da realidade, esta espécie em particular produz sua própria quimera a respeito de todo e qualquer assunto que se dispõe a raciocinar, frequentemente tido como um fenômeno piegas, entretanto tolerável, entre seus semelhantes.

Horácio

Devido à evidente desvantagem de envergadura, o Tiranossauro Profissional possui como principal iniciativa terceirizar qualquer dificuldade que exija bastante de seus membros, normalmente para outros Tiranossauros ou para outras espécies que habitam os escritórios. Sua capacidade de esforço é limitada em algumas horas, sendo as demais horas do dia investidas em reclamações e divagações justamente a respeito do uso do conjunto de antebraços, antebraços e grupos de cinco dedos, que pensam estar reduzidos a apenas três dedos.

I'm a dinosaur

O Tiranossauro Profissional tem alta capacidade de socialização, mas tende a se distanciar de outras espécies cujos membros superiores sejam melhores e mais avantajados (ainda que mais lentos, em alguns casos). Mesmo assim, há a possibilidade de uma convivência pacífica entre essas outras espécies, como, por exemplo, o Panda Profissional (que falarei dele em outro texto):

O Panda Profissional

Tiranossauros Profissionais não convivem bem em ambientes dinâmicos, como escritórios de Coworking e Startups. Como demanda muito espaço, sobrevive mal em condições adversas.

Vive risco de extinção em países com leis trabalhistas liberais. É endêmico no Brasil.